Postagem em destaque

Resenha do livro: POSTMAN, Neil. O Desaparecimento da Infância.

Resenha do livro: POSTMAN, Neil. O Desaparecimento da Infância. Tradução: Suzana Menescal de A. Carvalho e José Laurenio de Melo. Rio d...

O significado dos símbolos do Natal:





O Natal é a data mais importante do calendário cristão, quando é celebrado o nascimento do Menino Jesus. Mas quando falamos sobre Natal, podemos abrir um leque de histórias, contos e tradições, que até hoje são transmitidas de geração a geração.
 Para que sua festa fique ainda mais bonita e alegre, vamos contar um pouco sobre as histórias que existem por trás de alguns símbolos e enfeites natalinos, e vamos expor o que eles representam para esta época de harmonia e paz entre amigos e familiares.o nascimento do Menino Jesus. Mas quando falamos sobre Natal, podemos abrir um leque de histórias, contos e tradições, que até hoje são transmitidas de geração a geração.



Papai Noel ou São Nicolau:
Diz a lenda que São Nicolau era um homem muito rico e muito generoso. Conta-se que ele distribuía dinheiro aos pobres e presenteava as crianças que não tinham com o que se alegrar. Faleceu no dia 6 de dezembro, tornando este dia o Dia de São Nicolau. Esta data é muito lembrada e comemorada em alguns países do oriente, onde os pais ainda presenteiam seus filhos fazendo uma referência a São Nicolau. Por causa da proximidade de sua festa com a data do nascimento de Cristo, acabou-se transferindo lentamente a tradição de presentear as crianças para o dia 25 de dezembro. Os pais costumavam dizer que era São Nicolau quem trazia os presentes do céu. São Nicolau foi se tornando um símbolo natalino e o 1º Papai Noel reconhecido pelo mundo.


Velas:
"Eu sou a luz do mundo." As velas simbolizam a presença de Cristo Ressuscitado: a luz do mundo que veio para nos salvar.

Ceia de Natal:
A ceia significa que a nossa verdadeira vida é Cristo; o Filho de Deus que estamos festejando. É o momento em que a família se reúne lembrando a Ceia que Jesus fez com seus discípulos, onde ele próprio se dá a nós como alimento hoje, através da Eucaristia para cristãos.
Bolas de Natal:


Bacaninha
As bolas coloridas que usamos para enfeitar o pinheiro, significam os frutos daquela árvore viva que é Jesus e, também, são os dons que o nascimento nos trouxe: as boas ações como o amor, o perdão, a verdade, a oração, a esperança, a fé, enfim, a docilidade à vontade do Pai.




A  guirlanda:

A coroa ou guirlanda do advento é o primeiro anúncio do Natal, e sua cor verde é sinal de vida e esperança. E a fita vermelha é símbolo do amor de Deus para conosco e a expectativa da vinda do Filho de Deus que nasce no Natal. As velas acesas simbolizam nossa fé e alegria pelo Deus que vem nos iluminar.






                          

                                        Os reis magos e a estrela:
Os Magos vieram do Oriente à procura de Jesus e foram guiados por esta estrela até Belém. A estrela tem quatro pontas e uma cauda luminosa. As quatro pontas representam as quatro direções da terra: Norte, Sul, Leste e Oeste de onde vem os homens para adorar a grande luz que é o Filho de Deus. A cauda luminosa nos aponta o caminho para o Deus-Menino que nasce no Natal.





    

                          O presépio:
Em 1223, São Francisco de Assis montou o primeiro presépio de Natal para celebrar o nascimento de Jesus Cristo e interpretar a nossa vida a partir da dele. Portanto, o presépio representa a doutrina de Jesus que é: pobreza, simplicidade, fé, humildade, docilidade e a unidade da família.





A árvore:
A árvore é símbolo da vida, por isso nós a enfeitamos para receber 
a verdadeira vida que é o CRISTO.Muitas histórias são contadas sobre a origem da árvore de Natal, mas tudo indica que sua origem é tipicamente alemã. Hoje, ela é um dos símbolos mais expressivos do Natal e as crianças aguardam ansiosas para ajudar os pais a enfeitá-la com flocos de algodão, fitas, luzes e bolas coloridas. Segundo a lenda, a árvore é a representação de Jesus, que é o tronco, e nós somos os ramos. As bolas e as luzes coloridas representam os frutos por ela produzidos, indicando a nossa caridade e generosidade.


                                      Os presentes:

Quando gostamos de uma pessoa, nós a presenteamos. Assim Deus fez conosco, porque não apenas gosta de nós, Ele nos ama. Por isso, nos presenteia com o mais sagrado de todos os presentes: Seu Filho. Assim, a vida nos é dada.


9 horas de músicas relaxantes

Total de visualizações de página

Depende de nós....

Depende de nós....

Populares