Postagem em destaque

Resenha do livro: POSTMAN, Neil. O Desaparecimento da Infância.

Resenha do livro: POSTMAN, Neil. O Desaparecimento da Infância. Tradução: Suzana Menescal de A. Carvalho e José Laurenio de Melo. Rio d...

Os Muros da ignorância e a cultura do: Áh... deixa pra lá


Infelizmente somos acostumados à cultura do deixa pra lá.Se compramos um produto com defeito, ah... deixa pra lá ,criar confusão?Pra quê? Não vai fazer a diferença mesmo, né?
Esta é a forma brasileira de se apresentar diante da sociedade.Reina em absoluto um egoísmo de se viver em um mundinho confortável, aparte de tudo que acontece como se existisse um "MURO"a separar as pessoas, todos estão felizes e satisfeitos pois seu quintal está limpo, seu sábado no parque está garantido, as férias de verão programadas, a educação dos filhos está nas mãos dos "melhores" profissionais contratados pelas escolas de maior renome.
Tudo vai bem em nossas vidas, até seu filho ser agredido à caminho da escola por colegas(bullying), ou sua mãe idosa ser atropelada por um ônibus, sua filha ser estuprada aos 4 anos de idade, e seu marido vítima de agressão gratuita por  policias despreparados e corruptos.Onde vamos parar? Precisamos demolir o muro do preconceito,o muro que nos afasta da realidade e de dias melhores, pois se fizermos"vista grossa" ou se "tampamos o sol com uma peneira" que mundo deixaremos para nossos netos?
Um mundo de pessoas "cegas de moral".O objetivo é se dar bem a qualquer custo.O primeiro lugar na empresa, na faculdade, na fila do cinema... o "meu" nunca foi tão empregado, e não percebemos que este comportamento é favorável aos nosso governantes, que enquanto você se delicia em um churrasco com os amigos para assistir ao futebol, inaugurando sua tv de lcd de 40 polegadas comprada no crediário das Casas Bahia, dinheiro público é desviado, funcionários fantasma são contratados,e outras tantas práticas ilícitas e indecentes fazem parte do cenário político nacional.O atual governo vendeu ao povo a idéia de que o pobre pode tudo.Que nada! As políticas públicas no Brasil, são como aquelas tentadoras ofertas que algumas lojas fazem colocando produtos nas bancas sinalizando: Só 9.90 e em letras miúdas À PARTIR DE 9.90 ... propaganda enganosa? A meu ver sim, o cliente ignorante de seus direitos acaba comprando por já estar ali.Aí a cultura do deixa pra lá entra novamente em cena.Nosso país já nasceu assim:Os mais "favorecidos" os exploradores e colonizadores sempre governaram e regiam o povo por sua cartilha.Algumas lutas e revoltas aconteceram, mas como já dizia o ditado:"a corda sempre arrebenta do lado mais fraco", então aos poucos negros, indios e mestiços foram às custas de muito sangue e dor assegurando seu "espaço" na sociedade.Mas será que hoje em pleno sec21 as coisas  mudaram? Os herdeiros dos Barões de café do século passado, latifundiários e colonizadores, herdaram o congresso nacional.E não me venha com esta de que o Lula é um caso á parte por ser um sindicalista, trabalhador, esta é a visão que você tem através do muro da ignorância.Se você transpor este muro verá que o Lula não passou de uma jogada de marketing político.O poder continua nas mãos dos mesmos senhores de escravos e herdeiros da coroa. Mas o povo não vê. Então nada mudou a não ser a nomenclatura dos cargos políticos e a maneira de se fazer política. Temos uma constituição, temos direitos, deveres e é tudo tão superficial e ambíguo que fica difícil prever se um assassino vai ser preso ou não.E políticos? Meliantes de colarinho branco?
Você deve estar pensando: Nossa quanto pessimismo?
Não é pessimismo, é realismo.
O Brasil através do muro parece o paraíso.. mas na realidade a educação, a saúde e a dignidade das pessoas são massacrados pelas ferramentas sociais e políticas que deveriam levá las rumo à tão sonhada cidadania. Dê uma espiadinha por cima do muro se você ainda não tem coragem para demolí lo.Tenho certeza que sua forma de ver o mundo e de se colocar nele não será a mesma.

"É DIFÍFIL VIVER ASSIM, À MERCÊ DA SORTE... TRABALHANDO UMA VIDA, ENVELHECER E NÃO TER DIREITO A UM ATENDIMENTO DE SAÚDE DIGNO, A UMA APOSENTADORIA DECENTE.
É PEDIR MUITO? NÃO!  É TER O QUE SE TEM DIREITO.
DIREITO À HUMANIDADE, DEIXANDO PRÁ LÁ ESSA DANADA CULTURA DO DEIXA PRÁ LÁ! "
DEIXA NÃO!

DANÚBIA ROCHA

9 horas de músicas relaxantes

Total de visualizações de página

Depende de nós....

Depende de nós....

Populares